top of page
52605F0B-1056-4732-9687-696717733FC5.JPEG

(PER) CURSOS

CAMPO ARTÍSTICO

 

O meu nome é Ana Malta (Lisboa, 1996) e sou artista visual e freelance designer.

Estudei Pintura na Faculdade de Belas Artes da Universidade de Lisboa e por isso tenho a cultura visual e o interesse em trabalhar dentro da área cultural. O meu mestrado é em Gestão de Indústrias Criativas pela UCP no Porto, o que me dá os princípios básicos da gestão de projectos culturais.

 

O meu trabalho é desenvolvido através do estudo da cor, de padrões, da composição e de materiais riscadores, veículos do seu inconsciente plástico e visual. Uma obra onde a inquietação procura a estética e onde o diálogo tem como base a transformação do “erro” em oportunidade. Faço parte do colectivo artístico VÊS.TRÊS e fui finalista do "Prémio A Arte Chegou ao Colombo" e da “6ª Bienal Internacional de Arte de Espinho” em 2021.

Para além disso, conto com participações: na 14ª Edição da QUADRANTE, na Melancia Mag, no programa SCROLL da RTP2, no livro (AS)ARTISTAS - Ensaio Gráfico sobre Histórias e Práticas Artísticas no Feminino, na Edição de Abril 21 da Nova Awareness Club, entre outras colaborações.

CAMPO CULTURAL

Trabalhei durante três anos como assistente no departamento de produção, comunicação e promoção do Centro Cultural Carpintarias de São Lázaro, Galeria Belo-Galsterer, Miradouro de Baixo e no Concurso Gastronómico - Lisboa à Prova.

 

Nas Carpintarias de São Lázaro, fui responsável por todos os suportes visuais/gráficos de comunicação do Centro Cultural e do seu rooftop - o Miradouro de Baixo. Além disso, criei e geri o website da instituição e a base de dados; coordenei a equipa de 15 voluntários; participei na produção de exposições e espectáculos; geri as redes sociais e newsletter; fiz digital e email marketing digital, assessoria de imprensa e clipping, edição criativa de vídeo e som para certas promoções e/ou spots para a rtp.

 

A minha actividade na Galeria Belo-Galsterer envolveu, ocasionalmente, a criação da linguagem visual e gráfica, mas principalmente a criação das publicações/livros de artistas para as exposições; produção de exposições de arte contemporânea; gestão parcial das redes sociais e, também, a edição de vídeo e som em certas situações.

 

O meu trabalho dentro do Lisboa à Prova (que tem a Câmara Municipal de Lisboa, Turismo de Lisboa e AHRESP como parceiros) foi muito específico. Fiz documentários curtos, a gestão das redes sociais e o apoio à produção.

 

De momento, dedico o meu tempo ao meu atelier e a trabalhos de design em regime freelance.

Obras na Artsy

Prémio "A Arte Chegou ao Colombo" | Museu Berardo

6ª Bienal Internacional de Arte de Espinho

bottom of page